Aeroporto de Brasília é eleito o melhor da América Latina e figura entre os 5 melhores do mundo

Aeroporto de Brasília é eleito o melhor da América Latina e figura entre os 5 melhores do mundo

Mais uma conquista para o Distrito Federal! O Aeroporto Internacional de Brasília Presidente Juscelino Kubitschek foi eleito o melhor da América Latina e do Sul pela pesquisa AirHelp Score, divulgada nesta terça-feira (9). No ranking internacional, o terminal conquistou o 5º lugar, ficando atrás apenas de três aeroportos da Ásia e um da África.

Reconhecimento internacional

O resultado da pesquisa, que avaliou mais de 17 mil usuários de 64 países entre maio de 2023 e abril de 2024, coloca o Aeroporto de Brasília em destaque em três categorias: pontualidade dos voos, qualidade dos serviços e variedade de lojas e restaurantes.

Esforço conjunto para o sucesso

A conquista é fruto do trabalho conjunto do Governo do Distrito Federal (GDF), da Inframerica – empresa que administra o aeroporto – e das companhias aéreas. As ações realizadas incluem:

  • Redução do ICMS sobre o QAV: diminuição de 12% para 7%, incentivando a criação de novas rotas internacionais.
  • Novos voos diretos: lançamento de voos sem escalas para destinos como Cancun, no México, expandindo a conectividade do DF.
  • Negociações com companhias aéreas: trabalho conjunto para ampliar a malha aérea internacional do aeroporto.

Mais voos internacionais e oportunidades para o DF

O objetivo do GDF é continuar ampliando a oferta de voos internacionais diretos, consolidando Brasília como um importante hub de conectividade e impulsionando o turismo na região.

“O aeroporto da nossa capital é motivo de orgulho. Estamos trabalhando constantemente para ampliar ainda mais os voos internacionais diretos, aumentando a nossa conectividade com outros destinos. Estar entre os 10 melhores aeroportos do mundo reforça o trabalho da Inframérica e a parceria com o GDF”, destaca o secretário de Turismo, Cristiano Araújo.

Brasília: além do poder, um destino turístico cosmopolita

Com voos sem escalas para diversos destinos internacionais, Brasília se consolida como um destino turístico atrativo, capaz de oferecer aos visitantes uma experiência completa, que vai além da política.

“Brasília é uma cidade cosmopolita, apta a receber turistas, a conquistar, cada vez mais, voos internacionais, e a cumprir seu papel de ‘coração do Brasil’”, defende o secretário de Relações Internacionais, Paco Britto.

Para mais informações:

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo