Primeira-dama Entrega 100 Computadores Reciclotech ao IgesDF para Fortalecer a Saúde Pública

Primeira-dama Entrega 100 Computadores Reciclotech ao IgesDF para Fortalecer a Saúde Pública

A primeira-dama do Distrito Federal, Mayara Noronha, realizou a entrega de 100 computadores do programa Reciclotech ao Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (IgesDF) nesta terça-feira. Esta entrega faz parte de uma doação total de 300 unidades, visando melhorar a infraestrutura tecnológica das unidades de saúde pública do DF.

O IgesDF é responsável pela administração do Hospital de Base (HBDF), do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), do Hospital Cidade do Sol (HSol) e das 13 unidades de pronto atendimento (UPAs) do Distrito Federal. Os novos equipamentos serão distribuídos entre o HBDF, o HRSM e as unidades administrativas do instituto, conhecidas como Ucad e PO700.

“São 300 computadores que vão repercutir na melhoria do monitoramento e tecnologia do instituto, como no caso do painel de fila das UPAs, onde os pacientes conseguem pesquisar qual a unidade de pronto atendimento mais próxima e com o menor tempo de espera”, destacou Mayara Noronha durante o evento de entrega.

Melhoria no Atendimento e Reconhecimento

Juracy Cavalcante Lacerda Jr., diretor-presidente do IgesDF, enfatizou a importância da tecnologia e inovação como pilares da governança clínica do instituto. Este modelo visa aprimorar processos e estratégias para melhorar a qualidade do atendimento aos pacientes.

“O painel de fila das UPAs ficou em segundo lugar na categoria Case de Sucesso no prêmio CIO Brasil GOV 2024”, lembrou Lacerda. “Este reconhecimento é motivo de orgulho para o instituto, e quatro secretarias estaduais (Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo) já demonstraram interesse em replicar essa tecnologia.”

Visita à Central de Monitoramento

Durante sua visita à central de monitoramento do IgesDF, Mayara Noronha pôde ver de perto como os novos computadores serão utilizados. Ela também conheceu o portal de indicadores do IgesDF, que inclui painéis sobre perfil epidemiológico, filas das UPAs, ouvidoria, monitoramento da dengue, gestão de leitos e emendas parlamentares.

O Programa Reciclotech

O Reciclotech, programa da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do DF (Secti) e da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF), tem como objetivo capacitar jovens e adultos por meio de cursos de informática básica, manutenção de computadores, robótica e reciclagem de resíduos sólidos. O programa transforma resíduos em insumos, contribuindo para a redução dos impactos ambientais.

“Você acha que é lixo, mas esse material se transforma em mecanismos para a população”, ressaltou Mayara Noronha Rocha, primeira-dama do DF. O Reciclotech recupera eletroeletrônicos danificados através de limpeza, substituição de peças e pequenos reparos, promovendo também a educação ambiental.

O programa recebe diversos tipos de resíduos eletrônicos, incluindo pilhas, computadores, tablets e celulares velhos, transformando-os em novos produtos úteis para a comunidade.

O Reciclotech investe em reciclagem e reforça a educação ambiental no DF | Arte: Secti

Com informações da Secti

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo