Caminhada no Eixão do Lazer incentiva a doação de leite materno no DF e ajuda Rio Grande do Sul

Caminhada no Eixão do Lazer incentiva a doação de leite materno no DF e ajuda Rio Grande do Sul

Uma caminhada realizada no Eixão do Lazer neste domingo (26) chamou a atenção para a importância da doação de leite materno. O evento, promovido pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF), em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), teve como objetivo conscientizar a população sobre a necessidade de aumentar o estoque dos bancos de leite do DF e ajudar os bebês em situação de vulnerabilidade.

Combate à desnutrição e apoio ao Rio Grande do Sul

A doação de leite materno é fundamental para garantir a nutrição adequada de bebês prematuros, de baixo peso ou com problemas de saúde. O leite materno é rico em nutrientes e anticorpos que protegem os bebês de doenças e infecções.

Além de abastecer os bancos de leite do DF, a ação também visa ajudar o estado do Rio Grande do Sul, que foi afetado por fortes chuvas e enchentes nos últimos dias. Os bancos de leite do estado estão com dificuldades de coletar leite materno devido à situação de emergência.

Como se tornar uma doadora de leite materno

Para se tornar uma doadora de leite materno, basta se cadastrar pelo Disque Saúde 160, opção 4, ou pelo site Amamenta Brasília. Após a solicitação, o banco de leite entra em contato com a pessoa para orientá-la sobre a coleta.

Saiba mais:

Informações adicionais:

  • O Distrito Federal conta com 14 bancos de leite humano e 7 postos de coleta.
  • Nos quatro primeiros meses de 2024, foram coletados 6,6 mil litros de leite materno no DF.
  • O leite materno doado é pasteurizado e armazenado em bancos de leite humano.
  • O leite materno doado pode ser utilizado por bebês que não podem ser amamentados por suas mães.
Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo