Bolsistas de doutorado do DF podem se candidatar a pesquisas na Alemanha

Bolsistas de doutorado do DF podem se candidatar a pesquisas na Alemanha

FAPDF fomenta as bolsas de pós-graduação por meio dos editais institucionais do Programa de Pós-Graduação

Agência Brasília* | Edição: Vinicius Nader

Os bolsistas de doutorado no Distrito Federal interessados em participar do programa de auxílio para estadias de pesquisa na Alemanha têm até o dia 31 de outubro para se candidatar às bolsas de doutorado. Os interessados devem se inscrever junto ao Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD).

A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) é signatária da chamada internacional, baseada no Acordo de Cooperação entre o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e o DAAD. A fundação fomenta as bolsas de pós-graduação por meio dos editais institucionais do Programa de Pós-Graduação (PDPG).

“A FAPDF, focada na missão institucional de fomentar a pesquisa e a inovação, firmou esta parceria com o DAAD, por meio do Confap, com o objetivo de proporcionar aos bolsistas de doutorado do Distrito Federal a oportunidade de desenvolver pesquisa de ponta vivenciando a troca de experiências com pesquisadores alemães”, afirma a gerente do Programa de Bolsas da FAPDF, Veridianne Nery.

As estadias de pesquisa (mobilidades) ocorrerão entre maio de 2024 e janeiro de 2025. Os contemplados pelo programa podem permanecer na Alemanha de dois a seis meses (sem interrupção da vigência da bolsa da agência brasileira) e podem escolher entre universidades, institutos de pesquisa, laboratórios ou bibliotecas para realizar pesquisas específicas, relevantes para o desenvolvimento da tese de doutorado.

Co-financiada pelo DAAD, a mensalidade é de 650 euros e abrange a cobertura de seguros de saúde e de acidentes, bem como subsídio para despesas de viagem. As inscrições serão analisadas por um comitê de seleção independente composto por cientistas.

Serviço
Informações pelo link http://www.daad.org.br/auxilio
Dúvidas pelo e-mail: auxí[email protected]

*Com informações da FAPDF

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo