Podcast debate educação de crianças para formar adultos participativos

Podcast debate educação de crianças para formar adultos participativos

Novo episódio do Controlcast, da CGDF, foi lançado nesta quinta-feira (17) trazendo o exemplo do projeto Encena, desenvolvido em escolas públicas do DF

Agência Brasília* | Edição: Saulo Moreno

O segundo episódio do Controlcast, o podcast da Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF), traz um assunto importante para pais, professores e toda a sociedade: como educar as crianças para formar adultos que participem mais do governo. O material entra no ar nesta quinta-feira (17), durante a programação da Semana de Controle Social da CGDF, que vem para gerar um olhar mais atento da sociedade para com o governo, no sentido de cobrar e fiscalizar para construir uma cidade e um país melhor. O bate-papo está disponível gratuitamente nas plataformas SpotifyYouTube e Soundcloud.

“A mudança cultural é lenta. A educação é o caminho. Por meio da educação, a gente consegue formar cidadãos mais conhecedores dos seus deveres e direitos, e isso tem de ser feito quando a criança e o adolescente são inseridos na sociedade, quando eles começam a se perceber como pessoas” Rejane Vaz, subcontroladora de Transparência e Controle Social

Os convidados para conversar sobre o tema são a subcontroladora de Transparência e Controle Social da CGDF, Rejane Vaz, e o coordenador do Grupo de Educação Fiscal Nacional e do Distrito Federal, Cícero Roberto de Melo. O episódio traz o exemplo de como o projeto Encena, desenvolvido em escolas públicas do DF, tem contribuído para mudar a percepção dos estudantes com relação ao cuidado com a escola e com a comunidade em que estão inseridos.

Durante o bate-papo, Rejane e Cícero ressaltaram que o controle social é uma cultura em desenvolvimento no Brasil e que a sociedade tem aprendido a fiscalizar e cobrar o governo para construir um país melhor. “A mudança cultural é lenta. A educação é o caminho. Por meio da educação, a gente consegue formar cidadãos mais conhecedores dos seus deveres e direitos, e isso tem de ser feito quando a criança e o adolescente são inseridos na sociedade, quando eles começam a se perceber como pessoas”, ressalta Rejane.

“A escola é a base para construirmos a cultura do controle e da participação social. A transformação social vem pela educação. Estamos transformando a cidadania passiva, distante do Estado, em uma cidadania ativa. Cada vez mais o cidadão está se percebendo como um contribuinte, como um pagador de impostos, mas também como um controlador das políticas sociais que são possíveis a partir do pagamento dos nossos impostos”, explica Cícero.

O Controlcast é uma iniciativa da CGDF com o objetivo de aumentar o alcance do trabalho do controle interno e debater temas sensíveis para a população, além de contribuir com a experiência de questões comuns a outras controladorias. O segundo episódio é apresentado pela assessora especial da Ascom da CGDF, Rossana Gasparini.

*Com informações da CGDF

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo