Entidades sindicais podem indicar representante para Conad

Entidades sindicais podem indicar representante para Conad

O Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Distrito Federal (Inas) publicou no DODF o edital de convocação para preenchimento das vagas remanescentes do Conselho de Administração

Agência Brasília* I Edição: Débora Cronemberger

O Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Distrito Federal (Inas) publicou no Diário Oficial do DF (DODF) o edital de convocação para preenchimento das vagas remanescentes do Conselho de Administração (Conad).

“A constituição dos conselhos de Administração e Fiscal do Inas é de fundamental importância para a gestão do plano GDF Saúde. Possibilita a participação de representantes dos beneficiários nas decisões e ações, o que nos dá maior segurança e credibilidade”Ana Paula Cardoso, diretora-presidente do Inas

O Conad é o órgão deliberativo responsável pela definição da política geral de administração do Inas e do GDF Saúde, composto por 15 membros, sendo oito representantes do governo e sete das entidades representativas de classe dos beneficiários.

As entidades representativas de classe devem encaminhar indicações de membros para composição de Conad observando o quantitativo de, no mínimo, 30% de mulheres, sendo:

→ 1 membro titular e 3 suplentes, indicados pelas entidades sindicais representantes dos servidores da área de educação;
→ 1 membro titular e 2 suplentes, indicados pelas entidades sindicais representantes dos servidores da área de saúde;
→ 1 membro suplente, indicado pelas entidades sindicais representantes dos servidores das autarquias e fundações, das carreiras de Assistência Pública em Serviços Sociais e de Fiscalização de Atividades Urbanas.

No prazo de 15 dias corridos, a contar da publicação do edital no dia 4 de agosto, as entidades representativas de classe devem encaminhar ofício à presidência do Inas, contendo os nomes dos candidatos a conselheiros titular e suplente, bem como a data da reunião em que foram selecionados, acompanhado dos documentos relacionados no Edital de Convocação nº 03/2023.

Requisitos

Os indicados deverão, obrigatoriamente, atender aos seguintes requisitos: ser beneficiário do GDF Saúde, ser servidor estável, não ter sofrido penalidade administrativa ou judicial e firmar compromisso de se submeter a treinamento específico promovido pela Secretaria de Planejamento, Orçamento e Administração do Distrito Federal.

“A constituição dos conselhos de Administração e Fiscal do Inas é de fundamental importância para a gestão do plano GDF Saúde. Possibilita a participação de representantes dos beneficiários nas decisões e ações, o que nos dá maior segurança e credibilidade. Além disso, os conselhos têm um papel essencial no que diz respeito à transparência e à prestação de contas à sociedade”, afirmou a diretora-presidente do Inas, Ana Paula Cardoso.

Para o Conad é exigida experiência técnica, profissional ou notórios conhecimentos jurídicos contábeis, econômicos, financeiros ou de administração pública, nos moldes da Portaria nº 1 do Inas/DF, de 16 de julho de 2020.

As indicações serão submetidas à apreciação do governador Ibaneis Rocha, para fins de deliberação e posterior publicação do decreto de designação.

*Com informações do Inas

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo