Área de lazer e esporte do Parque Sul é entregue a Águas Claras

Área de lazer e esporte do Parque Sul é entregue a Águas Claras

Estrutura atenderá crianças, jovens e idosos com pista de patinação de alta velocidade com padrões internacionais, modelo único no país

Adriana Izel e Josiane Borges, da Agência Brasília | Edição: Carolina Lobo

Em meio aos arranha-céus de Águas Claras, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, entregou mais um espaço de esporte e lazer na cidade. Em uma área de 30 mil m² e um investimento de R$ 8,7 milhões, o Parque Sul de Águas Claras, localizado ao longo das ruas Babaçu, 25 Sul e Araribá, leva para a população mais entretenimento e qualidade de vida fora dos condomínios residenciais.

“Entregas muito importantes nesta manhã aqui em Águas Claras. Uma pista de patinação de altíssimo nível”, afirmou o governador. “Foi feita pela Terracap e entregue à comunidade de Águas Claras”, acrescentou Ibaneis Rocha, que acompanhou uma apresentação do grupo de patinação de velocidade Jaguar durante a solenidade de inauguração.

Há algum tempo a comunidade já utiliza a parte entregue da obra, que conta com projeto urbanístico, calçadas com acessibilidade, três estacionamentos de bloquetes com 97 vagas, gramado e novas árvores. Foram instalados também um circuito de ginástica, parque infantil, quadra de areia para tênis e vôlei, além de mobiliário urbano.

A estrutura traz ainda para a região uma nova atração, que é a pista de patinação de alta velocidade. O patinódromo é o único no país com os padrões internacionais para o esporte. A pista prevista no projeto original continha cinco metros de largura, mas, para atender os atletas da capital federal, a metragem passou para seis metros. Também houve adequações na pintura, com a aplicação do revestimento de poliuretano antiderrapante, e proteção na lateral, que tem altura de 1,30 m.

Presidente da Terracap, Izidio Santos: “Hoje a Terracap devolve para a sociedade este parque com melhorias e esta pista de patinação maravilhosa” | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

“Executamos essa obra que é muito importante para a cidade. Hoje a Terracap devolve para a sociedade esse parque com melhorias e essa pista de patinação maravilhosa”, revelou o presidente da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), Izidio Santos. A empresa foi responsável pelo custeio e execução da obra.

Parque diferenciado

O administrador regional de Águas Claras, Mário Furtado, destacou o fato do parque urbano ter equipamentos diferenciados. “Este parque é um privilégio para gente. Tem uma pista de patinação que é única em Brasília e no Brasil. É um diferencial para a nossa cidade e para esta parte sul, proporcionando mais bem-estar a nossa população”, afirmou.

Atleta de patinação de velocidade, Fernanda Netto Alexandre contou que os praticantes do esporte sempre tiveram que viajar para treinar em alto nível. “A gente sempre treinou de maneira improvisada lá no Museu da República ou no Parque da Cidade, mas nunca tivemos nada específico para patinação em Brasília”, definiu.

Agora, ela explicou que a realidade vai mudar. “Sou da seleção brasileira e passamos toda a carreira esportiva sempre programando um período do ano para patinar fora do Brasil para ter experiência. Já não é uma situação que vamos ter que passar, porque esta pista está com padrões internacionais”, revelou. Metragem, inclinação, cobertura e revestimento foram feitos aos moldes internacionais e a baixo custo.

Gabriela Hermínio: “A pista de patinação vai atender uma demanda ainda maior da população, então é um espaço que atende as crianças, os idosos, a galera que é mais fitness e os cãezinhos também” | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

A pet sitter Gabriela Hermínio Matos, 27 anos, costuma passear diariamente com os cachorros no parque e destacou a relevância do espaço para a comunidade. “Para o meu trabalho, como sou passeadora, é sempre bom ter um local com muito verde para levar os cãezinhos. Além disso, acredito que, para a comunidade que tem filho e família, é um espaço seguro para fazer exercícios e passear. A pista de patinação vai atender uma demanda ainda maior da população, então é um espaço que atende as crianças, os idosos, a galera que é mais fitness e os cãezinhos também”, comentou.

Para ela, o espaço atrai muitas pessoas pela localização. “Ficou bem grande perto de muitos prédios, do metrô e do comércio. É um espaço bem bacana para quem está passeando por Águas Claras”, completou a pet sitter.

O comerciante Wellington Santarém diz: “Está ficando um espaço muito bom. O pessoal tem utilizado bastante as quadras, os parquinhos pela manhã e no final da tarde está sempre cheio” | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

O comerciante e morador da cidade Wellington Santarém, 42, comemorou a melhora nas vendas após a criação do equipamento público. “Está ficando um espaço muito bom. O pessoal tem utilizado bastante as quadras, os parquinhos pela manhã e no final da tarde está sempre cheio. E como tenho o meu comércio aqui de açaí e água de coco melhorou bastante as minhas vendas”, afirmou.

Etapa em andamento

Segundo a Terracap, o projeto prevê ainda a criação do centro de atividades e do módulo de apoio. O centro terá um espaço multiúso – semelhante a um anfiteatro, administração, lanchonete, três lojas e três banheiros. Já o módulo, terá uma lanchonete, duas lojas e três banheiros. Esta etapa do projeto está em andamento.

“Além disso, a Terracap está elaborando o projeto básico para contratar a iluminação pública para o local, que trará ainda mais conforto na utilização do espaço pela população”, antecipou Izidio Santos.

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo