Feira Brasília de Arte Contemporânea ocupa o Espaço Renato Russo

Feira Brasília de Arte Contemporânea ocupa o Espaço Renato Russo

Entre os dias 29 de junho e 3 de julho, o Espaço Renato Russo abrigará mais de 600 obras visuais de artistas do DF e São Paulo

No dia 29 de junho, às 10h, o Espaço Cultural Renato Russo abre as portas para a Feira Brasília de Arte Contemporânea (FBAC). O evento, que se estende até o dia 3 de julho, sempre das 12h às 20h, contará com a participação de 13 galerias de arte. Além disso, palestras com especialistas do mercado da arte, e feira de publicações independentes e de troca de fotografias completam a programação. A entrada é gratuita.

A Feira Brasília de Arte Contemporânea (FBAC) nasce do desejo de movimentar o mercado de arte da cidade. Entre os dias 29 de junho e 3 de julho, o Espaço Cultural Renato Russo recebe mais de 600 obras divididas em 13 galerias distintas, sendo 12 do Distrito Federal e uma de São Paulo. Diversas linguagens, suportes e temáticas são exploradas nos trabalhos dos artistas expositores. Para além das obras, temas como investimento, colecionismo, sistema da arte e o mercado editorial serão discutidos em palestras ministradas por importantes nomes dos segmentos. Esses encontros estão sujeitos a lotação máxima da sala. A programação pode ser conferida on-line

O mezanino da praça central do Espaço Renato Russo abrigará uma seção de publicações independentes organizada por Lucas Gehre, idealizador da Feira Dente. O espaço apresentará uma seleção de editoras e autores do mercado alternativo de publicações e arte impressa. Livros, zines, serigrafias, poesia, ensaios, quadrinhos e artes plásticas estarão expostos no estande, que funcionará durante os cinco dias de FBAC.

Nos dias 2 e 3 de julho, sábado e domingo, o evento promove uma feira de troca de fotografias. Fotógrafos de todas as idades, profissionais ou amadores, estão convidados a participar. Os interessados precisam levar, pelo menos, cinco fotos impressas em qualquer tipo de papel fotográfico com tamanho mínimo de 20cm.

Por fim, o Projeto Radar, concebido pelo Correio, abre as portas para artistas das Regiões Administrativas do DF e foge do lugar-comum dos expositores do Plano Piloto. As galerias A pilastra, do Guará, Galeria Risofloras, de Ceilândia Norte, e RAXIV, de São Sebastião, foram as escolhidas para encabeçar o projeto.

Serviço

Feira Brasília de Arte Contemporânea

Entre os dias 29 de junho de 3 de julho, sempre das 12h às 20h, no Espaço Cultural Renato Russo (Asa Sul CRS 508 Bloco A, Asa Sul) 

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo