Spotify testa a divulgação de NFTs de artistas no app

Spotify testa a divulgação de NFTs de artistas no app

O Spotify deverá permitir que artistas cadastrados na plataforma promovam seus tokens não fungíveis (NFTs) à venda, tecnologia que vem sendo cada vez mais adotada por grandes nomes do universo musical. A novidade foi revelada pelo Music Ally na sexta-feira (13).

De acordo com o site, a iniciativa começou a ser testada recentemente pelo serviço de streaming nos Estados Unidos, mas apenas na versão do app para Android. Um grupo de usuários selecionados por lá já pode visualizar os NFTs nas páginas de perfil de artistas que aderiram ao recurso.

Nós rotineiramente realizamos uma série de testes em um esforço para melhorar as experiências dos artistas e fãs. Alguns desses testes acabam abrindo caminho para uma experiência mais ampla e outros servem apenas como um aprendizado importante”, explicou um porta-voz da empresa à publicação.

O DJ Steve Aoki e a banda The Wombats estão entre os primeiros participantes dos testes da divulgação de NFTs no Spotify, segundo o site. Ao visitar as páginas deles por meio do aplicativo, os usuários conseguem ter acesso à oferta de tokens promovidos pelos artistas.

Vendas acontecem externamente

Ainda conforme a reportagem, a gigante do streaming permitirá apenas a divulgação dos NFTs lançados por bandas e cantores. Caso os fãs tenham interesse em adquirir os produtos digitais, eles serão redirecionados para as páginas responsáveis por realizar a venda, fora do app de música.

Esse experimento será decisivo para que o Spotify defina sobre a ampliação da funcionalidade para todos os artistas interessados na divulgação dos seus tokens e o público em geral. O serviço de áudio aparentemente também tem feito pesquisas com ouvintes, em busca de opiniões a respeito da tecnologia, como relataram alguns usuários no Twitter.

 

Por André Luiz Dias Gonçalves para TecMundo

 

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Abrir o Chat
1
💬 Precisa de ajuda?
Olá!
Podemos te ajudar?
Pular para o conteúdo