GDF lança Programa Habilitação Social 2022

GDF lança Programa Habilitação Social 2022

As inscrições foram anunciadas nesta segunda-feira (21), durante cerimônia de entrega da CNH para os beneficiários da edição de 2021

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) lançou, na manhã desta segunda-feira (21), a segunda edição do Programa Habilitação Social. O lançamento ocorreu durante a cerimônia de entrega das habilitações a 11 condutores beneficiados pelo Programa Habilitação Social 2021, representando todos os que concluíram o processo de obtenção da CNH, renovação da CNH ou adição de categoria.

A segunda edição do programa vai disponibilizar 5 mil vagas para todo o Distrito Federal, sendo 1.500 na modalidade Estudante Habilitado e 3.500 na modalidade Cidadão Habilitado| Foto: Wilson Rossato/Detran/DF

A solenidade, realizada no auditório do Detran Sede, marcou o sucesso de um programa criado para realizar o desejo dos cidadãos que sonhavam com o direito de dirigir, mas não dispunham de recursos para isso.

“A entrega de uma CNH vai muito além do direito de dirigir: é um pontapé inicial para sair da situação de vulnerabilidade” – Mayara Noronha Rocha, secretária de Desenvolvimento Social

“O Detran investiu muito em vocês, mas o sucesso do programa é resultado também do esforço individual de cada um que se empenhou para cumprir todas as etapas de formação com êxito”, disse o diretor-geral do Detran-DF, Zélio Maia, aos beneficiários da edição 2021. Ele ainda lembrou que “este é um projeto de governo, de caráter permanente, que vai beneficiar milhares de pessoas todos os anos”.

A secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, lembrou que “este é um sonho que saiu do papel para muita gente. A entrega de uma CNH vai muito além do direito de dirigir: é um pontapé inicial para sair da situação de vulnerabilidade”.

A segunda edição do programa vai disponibilizar 5 mil vagas para todo o DF, sendo 1.500 na modalidade Estudante Habilitado e 3.500 na modalidade Cidadão Habilitado. O programa reserva 20% das vagas aos beneficiários de programas sociais da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e outros 20% aos assistidos pela Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus). Os 60% restantes são destinados ao Projeto Formação Profissional, oferecido diretamente pelo Detran.

Prazos

As inscrições para a nova edição do programa estão previstas para o período de 25 de abril a 25 de maio de 2022. Terminado o prazo das inscrições, a Sedes e a Sejus terão 60 dias para publicar os selecionados de cada órgão no sistema informatizado disponibilizado pelo Detran.

Após a publicação do resultado final dos candidatos selecionados e classificados, os candidatos ao processo de habilitação terão 30 dias para agendar a coleta biométrica e abrir o Registro Nacional de Condutor Habilitado (Renach). Quem não cumprir o prazo estabelecido será desclassificado e perderá o direito ao benefício.

Depois da coleta biométrica e abertura do registro, o beneficiário terá 40 dias para realizar os exames médicos e psicológicos e, depois do resultado dos referidos exames, deverá fazer a matrícula em um dos Centros de Formação de Condutores credenciados pelo Detran, dentro de 30 dias.

O candidato que abandonar o processo após a realização de qualquer um dos exames, ou não concluir o processo de habilitação no prazo de 12 meses, fica impossibilitado de participar do Programa Habilitação Social por dois anos. A instrução com as regras para o processo de seleção e a participação na edição 2022 deve ser publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta terça-feira (22).

*Com informações do Detran/DF

Agência Brasília* | Edição: Renata Lu

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Abrir o Chat
1
💬 Precisa de ajuda?
Olá!
Podemos te ajudar?
Pular para o conteúdo