Netflix vai cobrar taxa extra de quem ‘empresta’ conta para amigos

Netflix vai cobrar taxa extra de quem ‘empresta’ conta para amigos

Segundo streaming, ato de compartilhar senhas prejudica capacidade da companhia de investir em novos conteúdos para os membros pagantes; entenda medida

Netflix anunciou, na última quarta-feira (16), que passará a cobrar uma taxa extra para usuários que “emprestam” a conta para amigos assistirem ao streaming. O valor adicional será cobrado de membros dos planos Standard e Premium que compartilham o perfil com pessoas que não moram no mesmo endereço do titular. A cobrança será iniciada em fase de testes nas próximas semanas e, neste primeiro momento, será aplicada no Chile, na Costa Rica e no Peru.

Para formalizar o pagamento da taxa complementar, a Netflix permitirá que os usuários desses planos adicionem “subcontas” ao seu perfil, sendo possível inserir até duas pessoas que não moram na mesma casa. Cada membro extra terá seu próprio perfil, login, senha e recomendações personalizadas de conteúdo. A taxa extra será de 2.380 pesos chilenos no Chile (cerca de R$ 15); US$ 2,99 na Costa Rica (aproximadamente R$ 15); e 7,90 sóis peruanos, no Peru (R$ 10,83, em conversão direta).

 

A justificativa da Netflix para a implementação da taxa adicional é que o ato de compartilhar senhas com pessoas de famílias diferentes interfere na capacidade da companhia de investir em novos produtos para os membros pagantes. “Queremos garantir que todos os novos recursos sejam flexíveis e úteis para os membros, cujas assinaturas financiam todos os nossos excelentes programas de TV e filmes”, disse a empresa em comunicado.

 

Por Rodrigo Fernandes, para o TechTudo

 

Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Abrir o Chat
1
💬 Precisa de ajuda?
Olá!
Podemos te ajudar?
Pular para o conteúdo