Ibaneis antecipa medida e liberação de máscaras ao ar livre começa a valer

Ibaneis antecipa medida e liberação de máscaras ao ar livre começa a valer

Governador havia anunciado a suspensão do item em locais abertos a partir de segunda (7/3), mas liberação foi antecipada e terá início nesta sexta-feira (4/3)

liberação do uso de máscaras de proteção contra a covid-19 em locais abertos do DF começa a valer a partir desta sexta-feira (4/3). A mudança no início da suspensão, a princípio marcada para segunda (7/3), foi anunciada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB) na manhã desta sexta (4/3).

Em publicação nas redes sociais, o mandatário do Distrito Federal afirmou que adiantou a medida após reanalisar os números da pandemia no DF. “Revisando os dados, antecipo a liberação da máscara em ambientes abertos para hoje, conforme decreto já publicado no Diário Oficial. Para shows abertos e eventos esportivos, a liberação se mantém a partir de segunda-feira”, escreveu Ibaneis.

A taxa de transmissão da covid-19 atingiu, nessa quinta (3/3), o menor índice, pelo segundo dia consecutivo, desde o começo da pandemia — 0,65. O número mostra que um grupo de 100 pessoas pode infectar outras 65, em média.

Em 24 horas, a Secretaria de Saúde notificou 20 mortes, o maior valor diário do ano. Ao todo, 11.447  vítimas morreram na capital do país. A pasta contabilizou 673 casos positivos da doença, elevando o total de infectados no DF a 683.663.

Decisão

O governador havia determinado a suspensão da proteção nessa quinta-feira (3/3), também por meio das redes sociais. Segundo Ibaneis, a indicação valeria a partir de segunda-feira (7/3). O texto com a decisão foi publicado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) nesta sexta-feira (4/3), pouco antes de o chefe do Executivo local anunciar a antecipação.

O decreto determinou a exigência de comprovante de vacinação para acesso a eventos esportivos, estabelecimentos com mais de 500 pessoas e pista de dança, shows e festivais. A publicação apresentou também medidas de segurança específicas para 12 grupos de estabelecimentos, que poderão permanecer abertos.

Os protocolos previstos no artigo não se aplicam às escolas da rede pública de ensino. De acordo com o texto, eles são definidos por ato próprio da Secretaria de Educação. Durante coletiva na tarde de quinta-feira (3/3), o secretário de Saúde do DF, general Manoel Pafiadache, adiantou que o Distrito Federal terá esquema itinerante de imunização infantil.

O gestor, porém, não divulgou detalhes da operação, que está sendo construída em conjunto entre a pasta da Saúde e a da Educação. “Já combinamos que teremos equipes volantes indo em regionais de ensino ou em escolas, para levar as vacinas adiante, principalmente nas áreas que mais necessitam”, informou o secretário.

“Voltar a normalidade”

Durante a inauguração do campo de grama sintética no Cruzeiro Velho, na manhã desta sexta-feira (4/3), o governador Ibaneis comentou a antecipação do decreto sobre a retirada da obrigação do uso de máscaras em locais abertos. “Nós fizemos a avaliação e os números estão, graças a Deus, dentro do controle. Nós já fizemos essa medida e colocamos as outras dos eventos a partir de segunda-feira, até mesmo porque foi o setor de eventos que pediu um prazo para eles poderem se organizar”, destacou Ibaneis.

Segundo o Governador, será liberado eventos a partir de 500 pessoas com apresentação dos comprovantes de vacinação. “Nós estamos revendo essas medidas todas agora para que a gente tente voltar à normalidade. A gente espera que não tenha mais nenhum tipo de onda e possa seguir com a vida de nossas cidades. Voltar a trabalhar, voltar a cidade à sua normalidade, com as empresas, com o pujança, crescendo, contratando pessoas para que Brasília entre novamente no rumo do crescimento”, avaliou o governador.

Por Júlia Eleutério e Ana Isabel Mansur para o CB
Compartilhe:

Alvaro Maciel

Deixe um comentário

Pular para o conteúdo